Poupe até 70% no aluguer de automóvel

Comparamos 1600 empresas para encontrar o melhor preço de automóveis de aluguer

tick-2Preços baixos garantidos

tick-2Taxas e seguro incluídos

tick-2Quilometragem ilimitada na maioria dos destinos

tick-2Serviço de apoio ao cliente 24/dia

tick-2Sem taxas de cartão de crédito

tick-2Sem taxas ocultas

Aluguerdecarrosbaratos.pt é um grande site para alugar automóveis. Alugamos aqui há vários anos sem problemas.
Mónica Sofia Oliveira
Um site ótimo que oferece os preços mais baixos para alugar automóveis.
Susana Gonçalves
Os representantes da Avis foram muito prestáveis e simpáticos quando chegámos. O automóvel estava impecável e bem conservado. Não nos enganaram com o combustível.
Jose Valadão
Alugámos um automóvel em São Francisco de Alamo. Serviço excelente e o preço mais baixo que conseguimos encontrar.
Paulino Pereira Meireles
Ótima relação qualidade-preço quando aluguei um automóvel em Lisboa. Não tive problemas nenhuns ao alugar através deste site.
John Silva

Aluguer de automóveis Lanzarote

Alguma vez sonhou em visitar Lanzarote de acordo com a sua disponibilidade? Nesse caso, com o nosso guia, ficará bem informado sobre a ilha mesmo antes de fazer a viagem. A ilha oferece vários locais incríveis para visitar, apesar de ser pequena, e aqui pode facilmente encontrar uma agência de aluguer de carros para ajudá-lo com um carro acessível. A sua escolha por um carro alugado, vai ajudá-lo a visitar facilmente a cidade e manter a sua privacidade. 

Guia de Lanzarote

Aluguer de carros Lanzarote

Aluguer de automóveis Lanzarote

Lanzarote é uma ilha na Espanha situada na parte nordeste das Ilhas Canárias, que são ilhas autónomas. Lanzarote situa-se a cerca de 125 km da costa norte da África e cobre uma área de aproximadamente 846 quilómetros quadrados. Tem uma população de aproximadamente 149.200 habitantes, sendo considerada a terceira ilha mais populosa do arquipélago, depois da Gran Canária e Tenerife e a quarta maior ilha das Canárias. Visto ser uma área vital para a fauna, flora e outras características de interesse especial, foi declarada reserva natural pela UNESCO. 

O primeiro nome registado da cidade foi Insula de Lanzarotus Marocelus, tendo sido criado por uma cartógrafa ítalo-maiorquina chamada Angelina Dulcert em homenagem a um navegador genovês, Lancelotto Malocello. O nome moderno da ilha ‘Lanzarote’ deriva do seu primeiro nome redigido. Nativamente, o nome da ilha era Tytheroygaka (algo que é completamente ocre), representando a sua cor natural a argila devido à sua origem vulcânica. Simplificando, a Ilha Lanzarote foi criada a partir de erupções vulcânicas de fogo e é caracterizada por lava solidificada e alguns padrões de rochas. A ilha tem várias áreas importantes, nomeadamente: 

  • Biodiversidade 
  • Transporte (Aéreo, marítimo e rodoviário) 
  • Festival (Virgem dos Vulcões) 

A ilha de Lanzarote situa-se perto das ilhas de Fuerteventura (11 km a sudoeste de Lanzarote) e da Gran Canária (335 km a sudoeste de Lanzarote). Contudo, todas as vias de ligação entre as três ilhas são acessíveis apenas através de barcos. As medidas da ilha de Lanzarote são 60 km de sul para norte e 25 km de leste para oeste e é composta por uma costa de 213 km de praia, areia e pedras. A sua paisagem comum são as cadeias montanhosas de Famara e Ajaches e um deserto (deserto de El Jable), que atravessa Montanas del Fuego e Famara. 

De acordo com a classificação climática de Koppen, geralmente o clima em Lanzarote é subtropical-deserto. Existe uma quantidade razoável de chuva apenas durante o inverno e o verão é caracterizado pelo clima seco. A precipitação média entre os meses de junho e agosto é de, no máximo, 0,5 mm, enquanto que entre os meses de dezembro e fevereiro existem menos de 20 dias de precipitação. Desta forma, as temperaturas durante o inverno e o verão situam-se tipicamente entre 18 e 25 graus Celsius, respetivamente. Apesar disto, a ilha ainda mantém uma rica biodiversidade de flora e fauna. 

Explore com o seu carro

Ninguém vai a Lanzarote e regressa sem visitar o Parque Nacional Timanfaya. Tem medo dos vulcões? Bem, não precisa de ter medo! Os vulcões do parque estão inativos desde 1824; portanto, não precisará fugir da lava ardente. O parque fica a aproximadamente 21,5 km do aeroporto de Lanzarote, cerca de 20 minutos de carro. É muito arriscado percorrer esta fascinante ilha a pé, contudo um autocarro de turismo ou um carro elétrico duplo aberto de ambos os lados proporcionará uma visão interessante de toda a área. 

Outro lugar incrível para visitar são as cavernas Jameos del Agua, 25,1 km a nordeste de Lanzarote. A cidade é o lar de várias cavernas de lava, sendo bastante rica em cultura, turismo e arte. Em Jameos del Agua, encontrará vários tipos de restaurantes, jardins, museus e um lago de sal subterrâneo, onde pode deliciar-se. Esta cidade também tem uma espécie única e rara de lagosta, de coloração amarela e branca e que dificilmente cresce mais de um centímetro de comprimento. 

Também pode visitar Playa Blanca de carro, pois esta cidade fica 35 km a sudoeste de Lanzarote. Playa Blanca tem uma economia forte e, em 2008, bateu o recorde como a primeira cidade em Lanzarote a ter um serviço de autocarro local. Para além dos transportes, a cidade também possui outras infra-estruturas funcionais que incluem uma escola estatal, uma escola particular, um notário, a movimentada Marina Rubicon, uma igreja e uma biblioteca pública. 

O Parque Nacional Timanfaya é outro destino que pode visitar nesta ilha e fica a apenas 19,1 km a oeste de Lanzarote. O parque cobre partes dos municípios de Tinajo e Yaiza e tem até 51,07 quilómetros quadrados. Um fato interessante sobre este parque é que o solo é inteiramente solo vulcânico. O símbolo do parque é a estátua “El Diablo” feita pelo famoso César Manrique. O acesso público ao parque é estritamente controlado, no entanto, existe uma rota curta que pode visitar de camelo. 

Aeroportos

Existem alguns aeroportos que dão acesso à ilha, no entanto, a ilha possui apenas um grande aeroporto comercial. Este aeroporto serve como principal ponto de entrada e era popularmente conhecido como aeroporto de Lanzarote, contudo, em 2019, foi renomeado para Aeroporto César Manrique-Lanzarote, que incluía o nome de um artista local popular César Manrique. Este mesmo ano também coincidiu com a comemoração do centésimo ano do seu nascimento. 

Em 2018, o aeroporto registou uma aluência de cerca de 7,3 milhões de passageiros, o que representa um aumento de quase 40% em comparação com os dez anos anteriores. Atualmente, existem dois terminais para servir os passageiros e o aeroporto dispõe de diferentes opções de aluguer de carros, de entre as quais pode escolher: Top Car, Hertz, Goldcar e Cicar. A partir deste aeroporto os viajantes costumam visitar Bruxelas, Viena, Madrid e Londres. 

Outro aeroporto acessível perto de Lanzarote é o Aeroporto De Fuerteventura. Embora o aeroporto não se situe na ilha, também serve Lanzarote, fazendo ligações entre mais de 80 destinos em todo o mundo e atendendo pelo menos 5,6 milhões de passageiros. As pessoas costumam visitar Berlim, Dublin, Madrid e Helsínquia. Com dois terminais diferentes, o aeroporto está bem equipado para servir bem os passageiros, até mesmo com várias opções de aluguer de carros: Interrent, Budget e Plus. 

Trânsito

Lanzarote tem uma rede de estradas bem ligada e espalhada pela cidade. O limite de velocidade nas autoestradas é de 120 km/h, nas áreas urbanizadas é de 50 km/h e nas estradas rurais é de 90 km/h. Deve ter sempre em atenção que existem câmaras de velocidade fixas entre Playa Blanca e Arrecife, sendo esta uma prática comum em percursos longos, como a rota LZ-2. 

Geralmente, as opções de estacionamento são principalmente nas ruas ou espaços livres, onde provavelmente encontrará um lugar grátis para estacionar e de forma segura. No entanto, evite locais marcados como restritos por um sinal amarelo. Conduzir na ilha é bastante fácil, porque a ilha não é muito grande e os locais estão devidamente assinalados de forma a informar adequadamente os condutores. Para além disso, há pouco ou nenhum trânsito. 

Existem duas estradas principais que podem ser um pouco mais difícies do que as outras para viajar. A primeira é a rota LZ-10, que é uma estrada de montanha, coms 5 curvas acentuadas e desce até a cidade de Haria. No entanto, se for paciente, não deve ser difícil para si. A outra rota é a LZ-202, que é grande o suficiente para dois carros de tamanho médio e leva até Mirador del Rio. A parte difícil é quando pretende dar a volta na parte cénica ao longo do penhasco. 

Português